Os utentes sentam-se em cadeiras confortáveis numa sala que se assemelha a uma caverna ou gruta de sal.  As paredes, o tecto e o chão da sala são cobertos com diversas camadas de sal limpo e de rocha branca de sal-gema (NaCl).  A sala de sal prefigura um espaço seco, estéril e hermético nos tamanhos que variam de 2 a 30 m2.

Dentro da sala (“gruta”) de sal os utentes encontram-se expostos às seguintes condições:

• Humidade de 45 a 55 %
• Temperatura de 20 a 24 °C
• Concentração do aerossol de 0.5 a 15 mg/m3. O aerossol de sal seco consiste na inalação de micro-partículas de sal, com dimensão de 0.1 a 2.5 micrómetros (10-6 m).  As partículas carregadas de energia cinética advêm do esmagamento dos cristais de sal, tratado farmacologicamente, num equipamento específico para o efeito:  o “Halogerador”, o qual é responsável por manter uniforme a quantidade de aerossol na sala, adaptando as condições aos sintomas a tratar.
• Silêncio e tranquilidade.  Os utentes sentam-se em posições relaxadas sobre as cadeiras de plataforma confortáveis. É difundida música calma e iluminação suave para ajudar o paciente a relaxar.